20 outubro 2011

You're not ugly, society is.

Ei, você! Por favor, leia esse post... Era isso o que você procurava!  Sei que é chato posts com "texto" mas vale muito à pena, eu garanto! 

Estou lendo um livro excelente e queria muito que todas vocês lessem, independente de qualquer coisa. É maravilhoso e mostra como mudar a sua vida. Confesso que jamais imaginei que um livro tivesse esse poder, mas ele "abre" nossa cabeça. E olha que li só o primeiro capítulo! Uma vez, em uma aula de geografia, o professor disse que a maioria das pessoas trabalha, trabalha e morre. E aí? Isso é viver? O livro mostra que temos que fazer algo que amamos, sempre. Nós somos a geração mais privilegiada, com mais meios de lazer e cada vez mais nos encontramos no tédio. A maioria das pessoas hoje em dia se encontram depressivas, ansiosas, estressadas. Parece bobagem, mas se for pensar bem...

"Onde estão as pessoas tranquilas cujas mentes são serenas e lúcidas? Onde estão os pensadores sábios, criativos, sensíveis? Onde estão as pessoas felizes, que não sofrem por antecipação, que fazem de cada dia um novo dia e de cada dificuldade uma bela página na sua história?"
"A solidão está aumentando. O diálogo está morrendo. As relações sociais estão empobrecendo. Estamos adoecendo coletivamente"

O tumblr e o weheartit estão aí pra não me deixar mentir. Ah vai, gente... Quem aí não percebeu que a maioria se contaminou com os padrões da sociedade? E que você pode ter tudo, estar no meio da multidão e se sentir infeliz e só? É triste, mas esse é o mundo em que vivemos. Você já fez algo que ama essa semana? E hoje? O livro não fala que você tem que sorrir o tempo todo, a cada segundo. Isso não existe.

"Não percebemos que, no teatro da nossa mente, somos todos iguais. Não somos judeus, árabes, americanos, brasileiros, chineses. Somos seres humanos, pertencentes a uma única e fascinante espécie"
"Que espécie é essa em que alguns são supervalorizados e a maioria é relegada ao rol dos anônimos? Isso é uma mutilação da inteligência. Muitos podem não ter fama e status social, mas para a ciência todos somos igualmente complexos e dignos. A rainha da Inglaterra nunca teve mais valor que um miserável das ruas de Londres. Einstein e Freud não tiveram mais segredos psíquicos do que um faminto do terceiro mundo. Essa é uma verdade científica."
"Nunca conheci alguém plenamente saudável. Pessoas lúcidas têm seus momentos de incoerência. Todos precisamos de ajuda em alguma área de nossa personalidade. Vivemos em sociedades livres,  mas nunca houve tantos escravos no território da emoção. Escravos da ansiedade, impulsividade, medo, intolerância, timidez, irritabilidade, estresse, preocupações com o amanhã, excesso de atividades"
"Cuidamos do motor do carro para não fundir, da casa para não deteriorar, do trabalho para não sermos superados, do dinheiro para não faltar. Alguns se preocupam com suas roupas; outros, com suas jóias, e, ainda outros, com sua imagem social. Mas qual é o nosso maior tesouro? O que deveria ocupar o centro de nossas atenções? O carro, a casa, o trabalho, o dinheiro, as roupas, as viagens? Não! A vida! Sem ela não temos nada e não somos nada. E sem qualidade de vida, ainda que estejamos vivos, não temos sentido, encanto, saúde e prazer de viver. Sem qualidade de vida os ricos se tirnam miseráveis; os fortes se tornam frágeis; os famosos vivem uma farsa. Mas será que cuidamos com seriedade da nossa qualidade de vida como cuidamos de outras coisas? Raramente"
(12 semanas para mudar uma vida - Augusto Cury)

 Veja o que o seu corpo e sua mente pedem. Melhore a qualidade da sua vida, seja feliz! Siga o exemplo do Mestre dos mestres: faça tudo à base do amor. A vida é muito curta pra ficar pensando demais em coisas desnecessárias =) Vamos rir, falar besteira, cantar e pagar muitos micos, haha *-*


8 comentários:

  1. Oi linda adorei adorei e adorei, vc que pensa que é chato lêr texto eu adoroooo.
    Vou aguardar sua visitinha
    Beijosssss Simara

    ResponderEliminar
  2. own adorei o texto Amanda (: , o livro parece ser bem legal, vou procurar (: .

    bjim

    ResponderEliminar
  3. ameeeeeei demais
    seguindo flor
    se puder passa la no meu blog
    beijos
    http://cembatons.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigada pelo carinho, fiquei muito feliz em receber um elogio, kkkkk.
    Menina eu amei sua postagem, você escreve muito bem, agora deu vontade de ler o livro heim.

    BeijO!

    http://maniadegloss.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Os livros do Augusto Cury são muito bons, todos eles passam essa mensagem, acho que todo mundo devia ler algum livro dele, realmente nos faz pensar a respeito da nossa vida e das nossas atitudes.
    Eu faço o que amo todo dia: Blogar *_* rs
    ---------
    Eu também tinha vergonha de mostrar meu blog nas redes sociais, mas agora não tenho mais, tem gente q nem sabe o q é um blog então nem vão ligar, e quem sabe o q é, vai ter inveja de um blog tão lindo como este!
    www.bombadecereja.tk

    ResponderEliminar
  6. ouuwn concordo com o comentário de cima , http://fashionscream.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Sim, é uma consequencia da globalização... As pessoas estão vivendo demais "online" e esquecendo da vida "offline".

    Beijos!
    http://meumundoecolorido.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  8. Valeu a pena ter lido mesmo, e não acho que posts textos são chatos não, gostei :D

    http://fire-tothe-rain.blogspot.com/

    ResponderEliminar